Categories
Geral

Como escolher um creme antirrugas?

Ter uma pele bonita e hidratada é o desejo de toda mulher, independentemente da idade. Com o passar do tempo, o uso de um bom creme antirrugas se torna necessário para prevenir e retardar o envelhecimento cutâneo.

Existem centenas de opções de cremes antirrugas para a região do rosto e dos olhos – que são as mais afetadas pelas linhas de expressão. Mas antes de investir em produtos anti-idade, é preciso entender que cada tipo de pele tem uma necessidade específica.

Por isso, hoje vamos te mostrar como escolher um creme antirrugas de acordo com o seu tipo de pele.

 

Conheça o seu tipo de pele

Se conhecer é o primeiro passo para tudo na vida – inclusive, cuidar da pele. Por isso é importante que você entenda quais são as características que a sua pele apresenta e quais necessidades precisam ser supridas.

A imagem mostra um exemplo de um creme para rugas.

Há quatro tipos básicos de peles: normais, secas, mistas e oleosas, e o cuidado para cada uma delas é diferente. Então, veja abaixo qual tipo de pele se identifica mais com a sua para acertar em cheio na hora de escolher um creme antirrugas.

 

Pele normal

A pele normal é equilibrada. Pode até apresentar alguma oleosidade na zona T (testa, queixo e nariz), mas nada exagerado. Geralmente, esse tipo de pele é aveludada, macia e lisa.

Outras características que a pele normal apresenta são: poros finos, boa circulação sanguínea, textura suave, tom saudável e sem manchas. Esse tipo também não costuma ter sensibilidade extrema ou vermelhidão.

 

Pele seca

A pele seca tem dificuldade de reter a quantidade necessária de água para manter-se hidratada. As principais características desse tipo de pele são: aspereza, opacidade, manchas e descamação.

Além de utilizar um bom hidratante, é indicado que as pessoas que possuam esse tipo de pele bebam bastante água, para garantir que a hidratação ocorra de dentro para fora. Também é necessário utilizar protetor solar para evitar queimaduras solares, que podem piorar a situação da pele.

 

Pele mista

A pele mista possui a zona T oleosa (testa, nariz e queixo) e o no restante do rosto, a pele costuma ser normal ou até seca. Na região T, os poros costumam ser mais dilatados e pode haver o aparecimento de cravos e algumas espinhas.

A oleosidade na parte central do rosto é causada pela produção excessiva de sebo. Já quando o restante do rosto é mais seco, é devido à falta de sebo e ao déficit na produção de lipídios. A alimentação e hidratação também podem afetar a condição da pele.

 

Pele oleosa

A pele oleosa, como o nome já diz, é caracterizada pelo excesso de sebo. Essa disfunção pode ocorrer por questões genéticas, hormonais ou fatores externos, como o uso de certos medicamentos e até pelo estresse.

Além do excesso de oleosidade, esse tipo de pele apresenta acnes, poros dilatados e textura grossa. Mas mesmo que a sua pele seja oleosa, é necessário hidratá-la corretamente, até para que seja possível controlar a produção de sebo.

Agora que você já sabe quais são os quatro tipos básicos de peles fica mais fácil identificar as características da sua, certo? Então vamos para a escolha do creme antirrugas para pele oleosa, de acordo com as necessidades da sua pele.

 

O creme antirrugas perfeito

A partir dos 25 anos de idade, já é necessário utilizar produtos preventivos, pois a pele começa inicia o processo de envelhecimento nesta faixa etária. Mas é importante ter em mente que cada idade tem suas necessidades, ou seja, há um tipo de creme antirrugas específico para cada fase da mulher.

É importante ficar atenta aos princípios ativos que cada produto possui. O creme anti-idade não faz milagres, mas ajuda a manter a pele hidratada e viçosa. Por isso é necessário comprar produtos que tenham bons ingredientes.

Os efeitos do creme não aparecem do dia para a noite, então, é preciso ter paciência para ter resultados a longo prazo.

 

Principais ativos em cremes anti-idade

Há diversas formulações de produtos antirrugas, mas alguns ativos são essenciais para que o creme seja de qualidade e traga resultados. Confira abaixo os principais ativos para manter sua pele hidratada e com aparência jovem:

  • Retinol: é um antioxidante derivado da vitamina A, usado para estimular a renovação celular;
  • Vitaminas C e E: poderosos antioxidantes que protegem contra os danos causados pela radiação ultravioleta;
  • Niacinamida: relacionada com a vitamina B3, usada para melhorar a elasticidade da pele;
  • Extrato de semente de uva: tem propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias;
  • Hidroxiácidos: funcionam como esfoliantes e removem as camadas de células mortas;
  • Ácido hialurônico: ajuda a hidratar e regenerar as camadas da pele;
  • Coenzima Q10: protege do sol e corrige pequenas linhas de expressão;
  • Peptídeos: são usados para melhorar a cicatrização de feridas e reduzir as estrias.

Esses são os princípios ativos mais comuns em bons cremes antirrugas. Além de conferir se esses agentes estão na formulação do produto, leia o rótulo para saber para qual tipo de pele o creme escolhido foi feito (normal, seca, mista ou oleosa).

Hidratar a pele com bons produtos é muito importante, mas beber a quantidade correta de água e usar o protetor solar diariamente – até em dias de chuva – é essencial. Ao se cuidar de dentro para fora e se proteger da radiação solar, você garante uma pele cheia de vida em qualquer idade. Descubra mais sobre tipos de cremes no site da Dermo Manipulações!

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *