Um homem britânico é acusado de incentivar um ataque contra o príncipe George, em Londres | Comércio

Un británico es acusado de alentar un ataque contra el príncipe Jorge en Londres

LEIA TAMBÉM

LEIA TAMBÉM

Um homem britânico de 32 anos, apareceu hoje, quarta-feira, 23 de maio de 2018 diante de um tribunal em londres, acusado, entre outras acusações, incentivando um bombardeio da jihad contra o príncipe George, o terceiro na linha de sucessão ao trono do Reino Unido.

Husnain Rasheed, preso no dia 22 de novembro, no norte da Inglaterra, conseguiu um “canal digital” que forneceu informações e apoio aos potenciais terroristas“, disse o procurador Annabel Darlow no tribunal de Woolwich, no sudeste de Londres.De acordo com a acusação, a jovem havia postado em seu canal, chamado “Mujahid solo”, uma lista de alvos potenciais no Reino Unido, a Austrália e os Estados unidos, e promoveu os atos, tais como o envenenamento de sorvete em supermercados.Supostamente, além de uma foto do príncipe George, de 4 anos, juntamente com o endereço do seu colégio , no oeste de Londres, com a silhueta de um jihadista e a mensagem: “nem mesmo a família real vai ser deixado em paz”, disse Darlow.De acordo com o procurador, suas propostas eram “indiscriminada” e “não fez nenhuma distinção entre a vida de adultos ou de crianças, entre os membros das Forças Armadas ou civis“.O procurador disse que o acusado, um morador do norte da população de Nelson, assistência oferecida para “qualquer tipo de ataque concebível”, com bombas, produtos químicos , ou facas, e ele estava se comunicando com um suspeito de terrorismo britânico na Síria chamado Omar Ali Hussain.Rashid negou as acusações, datado de entre outubro de 2016 e abril de 2018, que incluem a participação na preparação de actos terroristas, a promoção de atividades terroristas e a disseminação de uma publicação é um terrorista.A prince George é o filho mais velho do duque e da duquesa de Cambridge, William, segundo na linha de sucessão – e Catherine, que tem outros dois filhos, Charlotte, de três anos, e Luís, nascido em abril passado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *