Espinosa: ‘Nós nos preocupamos com a Venezuela, e estamos interessados em resolver o problema’ | Comércio

Foto: AFP

Na manhã de sexta-feira, 26 de janeiro de 2018, o canciller María Fernanda Espinosa se refere ae para o caso de Julian Assange. Ele fez isso durante uma entrevista em um meio-GamaTV.

No país governado por Nicolás Maduro, o Ministro disse que “o Equador tem sido presente e participar de todos os esforços a favor de uma solução pacífica para o conflito na Venezuela. Para uma solução através do diálogo. Temos sido um país que segue, apoia e acompanha o processo de diálogo, que começou na República Dominicana. Agora estamos fazendo uma série de consultas para fazer que o processo continue. E assim vai a linha do Equador com o mesmo cuidado, a mesma prudência, com o mesmo respeito, com qualquer outro país, e esta em uma situação difícil“.

Ele acrescentou que “o Equador não dar lições de democracia aos outros” e observou que o país tem uma relação com os países que participam de diálogos na República Dominicana, e que ele tenha contato direto com o ex-presidente da Espanha, José Luis Rodríguez Zapatero.Além disso, o Ministro disse que, recentemente, com os ministros diretamente envolvidos, “porque nos preocupamos com a Venezuela, e estamos interessados em resolver o problema“.No tratamento do tema de que o país, Espinosa disse que o Equador está recebendo um grande número de venezuelanos. É nossa responsabilidade dar-lhes a atenção, seguir o devido processo quando se trata de migração vinda de outros países.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *