arrumar-mala-de-viagem

Arrumar a mala de viagem é uma tarefa difícil, afinal, há um limite de peso para ser cumprido, senão será necessário pagar pelo excesso de bagagem, o que não é barato.

Mas, como arrumar uma mala perfeita e evitar esse problema? Aqui, apresentamos dicas para atingir esses resultados. Confira e as coloque em prática!

Como arrumar a mala?

Há algumas dicas fáceis de serem colocadas em prática para arrumar a mala perfeita e leve para sua viagem. Veja quais são elas:

  • Considere a temperatura do local

Acompanhe a previsão do tempo do local com antecedência, para saber se leva somente roupas leves (para dias quentes) ou pesadas (para períodos frios). Assim, é possível reduzir consideravelmente os itens da mala a exatamente tudo o que será preciso e usado.

 

  • Baseie-se no tempo de viagem

Considerar o tempo de viagem ajuda a reduzir a quantidade de peças que vão na mala a somente esse período. Portanto, se for passar 7 dias no local, escolha roupas para esses dias, apenas.

 

  • Evite exageros

Edite sua mala o máximo possível, avaliando a possibilidade de repetir peças, como calças, shorts e sapatos, por exemplo. Para viagens longas, dá para levar poucas peças e lavá-las no local.

O que levar na mala de viagem e o que levar na bagagem de mão

Na mala de viagem é possível colocar itens de uso pessoal, como roupas, produtos de higiene, maquiagens, cosméticos, medicamentos, perfumes, bebidas alcoólicas e objetos cortantes.

Já na bagagem de mão recomenda-se levar documentos, itens de valor (dinheiro, máquina fotográfica, notebook, tablet e joias), livro, casaco, manta, medicamentos e quantidade limitada de bebida.

Qual peso da bagagem

O peso costuma variar entre companhias áreas e passagem comprada. Normalmente, para voos nacionais o peso é de 23 kg para mala despachada e 10 kg de bagagem de mão. Já para voos internacionais, é possível despachar duas malas de até 32 kg e levar uma mala de bordo também de até 10 kg.

inss

Integrando a lista das seleções federais mais aguardadas pelos concurseiros, o concurso INSS costuma oferecer uma boa quantidade de oportunidades e salários compatíveis com a função.

Ainda em 2019, a expectativa é de quem sejam autorizadas cerca de 7.888 vagas, de níveis Médio e Superior, entre as funções de Técnico e Analista, e com remunerações de até R$ 12 mil.

E se você pensa em se candidatar a uma vaga e já está torcendo pela publicação do edital, este texto é para você.

A partir de agora você vai entender um pouco mais sobre o concurso e os cargos que ele oferece.

Último concurso do INSS

Para que você possa ter uma ideia de como funciona, escolhemos o último concurso do INSS, que foi realizado em 2015/16 como orientação.

Na ocasião foram oferecidas 800 vagas para Técnico do Seguro Social, e 150 para Analista do Seguro Social, com remunerações de R$ 4.886,87 e R$ 7.496,09, respectivamente.

A seleção teve mais de 1 milhão de inscritos, sendo 1.043.815 concorrentes para o cargo de Técnico e 43.989 para Analista.

Por dentro dos cargos

Enquanto você aguarda pela publicação do edital, nada melhor do que já ir sonhando com as suas futuras funções…

Conheça agora as exigências para os cargos e suas atribuições.

A função de Analista do Seguro Social exige diploma de conclusão de curso em Serviço Social.

Entre as atribuições do aprovado neste cargo estão prestar atendimento e acompanhamento aos usuários dos serviços prestados pelo INSS nas Agências da Previdência Social – APS e aos seus servidores, aposentados e pensionistas; elaborar, executar, avaliar planos, programas e projetos na área de Serviço Social e Reabilitação Profissional; supervisionar e homologar os programas profissionais realizados por terceiros ou instituições conveniadas; realizar avaliação social para fins de concessão de direitos previdenciários e benefícios assistenciais; promover estudos sociais e socioeconômicos, pesquisa e levantamento de informações visando à emissão de parecer social para subsidiar o reconhecimento e a manutenção de direitos previdenciários e benefícios assistenciais, bem como à decisão médico pericial;

Já para a função de Técnico do Seguro Social, a exigência é de certificado de conclusão de curso de ensino médio.

As atribuições para este cargo são realizar atividades internas e externas relacionadas ao planejamento, à organização e à execução de tarefas de competências constitucionais e legais do INSS que não demandem formação profissional específica; coletar informações, executar pesquisas, levantamentos e controles, emitir relatórios e pareceres;

Preparação para o concurso INSS

A melhor maneira de se preparar é antecipando seus estudos!

Neste sentido, vale investir em um curso para concurso INSS e já ir dando aquela estudada básica.

Além do curso, você também pode complementar seus estudos resolvendo as questões de concursos anteriores. Esta prática vai te ajudar a ter mais calma e segurança na hora da prova.

Em resumo, para se candidatar a um concurso tão esperado e concorrido, é importante ter uma preparação completa.

Para isso, inicie seus estudos com antecedência e pratique muito com questões de provas anteriores.

Adiciona canela ao seu chá? Devias! Ele faz para uma xícara picante que sabe muito bem, e há tantos benefícios para a saúde do chá de canela, também.

Luta Contra A Inflamação

A inflamação pode causar estragos em seu corpo em muitas formas diferentes, desde causar dores, dores e irritação a condições crônicas mais graves. Acalma o teu corpo e relaxa com as propriedades anti-inflamatórias do chá de canela. (Você pode comprá-lo aqui!)

Obter Mais Pele Jovem

6 benefícios exclusivos do chá de canela que você não sabia!

A tua pele vai agradecer-te por beber chá de canela! Os seus antioxidantes afastam os radicais livres que causam o envelhecimento, e a especiaria também promove o fluxo sanguíneo, ajudando a nova rotação celular que mantém a sua pele radiante e Jovem. Você também pode misturar canela moída com iogurte (que tem seus próprios benefícios para a saúde!) para criar uma máscara fácil e esfoliante.

Aumente O Seu Metabolismo

Não é uma cura milagrosa para a perda de peso, mas adicionar chá de canela à sua dieta pode dar início ao seu metabolismo durante o dia. A canela contém manganês, que ajuda o seu organismo a metabolizar proteínas e hidratos de carbono. Adicionando uma colher de chá de canela moída regular para o seu chá diário lhe dará 20% do seu valor diário de manganês!

Melhorar A Função Cerebral

Estudos estão descobrindo que a canela pode ajudar na luta contra doenças neurológicas como Alzheimer. pode inibir proteínas que causam sinais químicos impróprios no cérebro, e pode até ajudar a estimular novas passagens neurais. Isso também pode ajudar a melhorar a concentração diária e a concentração.

Combater Os Radicais Livres

Juntamente com as suas vitaminas e minerais, a canela está cheia de antioxidantes chamados flavonóides. Na verdade, uma única colher de chá de canela moída contém tantos antioxidantes como um copo de dois terços de mirtilos! Estes antioxidantes irão proteger o seu corpo do stress oxidativo causado por radicais livres, prevenindo doenças crônicas. Quer saber mais benefícios? Veja aqui!

Manter as constipações afastadas

Chá de canela é ótimo para aumentar o seu sistema imunológico. As suas propriedades antibacterianas ajudam a afastar bactérias que podem deixá-lo doente. Quando a época da gripe chegar, certifique-se que recebe a sua dose diária de canela. (Não faria mal incorporar estes alimentos ricos em zinco, também.)

Chá de canela é uma deliciosa e fácil maneira de preparar bebida que oferece uma ampla gama de benefícios para a saúde. Estes incluem a sua capacidade de ajudar na perda de peso, regular o açúcar no sangue, níveis de colesterol mais baixos, prevenir doenças crônicas, melhorar a digestão, fortalecer o sistema imunológico, e aumentar a função cognitiva, entre outros.

Enquanto a maioria das pessoas associam canela com um sabor doce para várias receitas ou uma cobertura deliciosa para a sua bebida de café favorito, é uma especiaria incrivelmente poderosa utilizada de várias maneiras para melhorar a saúde geral.

O que é chá de canela?

O que é chá de canela?

Chá de canela é uma bebida saudável preparada com paus de canela. É uma das formas mais fáceis de receber estes benefícios para a saúde e é também muito simples de preparar. Cassia Cinnamomum é a variedade mais comum e popular, mas há uma série de outras espécies dentro do gênero que podem ter efeitos semelhantes quando usado como um chá de ervas.

Cinamaldeído é o ingrediente ativo em todas as espécies de canela, e este composto bioativo pode ter uma série de efeitos benéficos sobre o corpo. Este composto em particular é complementado por cumarina, linalol, ácido cinâmico, proantocianidinas, catequinas, e outras substâncias poderosas que podem ser acessadas através de uma xícara deste delicioso chá.

Como fazer Chá De Canela?

Basta pegar uma vara de canela e fervê-la em água por 15-20 minutos. Depois disso, permitir que a vara de canela para íngreme na água por mais 10 minutos (ou até mais para ter uma cerveja mais potente), e, em seguida, beber a bebida doce e picante. Que mais? Você não precisa adicionar açúcar a ele como a canela tem um sabor naturalmente doce.

Muitas pessoas estão completamente inconscientes deste potencial dentro da canela, mas esta erva saborosa tem sido usada por milhares de anos para seus efeitos na saúde. Com isso em mente, vamos dar uma olhada mais de perto nestes benefícios do chá de canela!

Exame-de-ordem

A sigla OAB significa Ordem dos Advogados do Brasil. A Ordem é o órgão máximo que define as regras do exercício da advocacia no Brasil.

Além de regular a profissão, é a OAB que concede o título de advogado aos formandos do Curso de Direto, através da carteira profissional de advocacia, conhecida como “carteirinha da OAB”. Ela é concedida aos candidatos que são aprovados no Exame OAB, que avalia a capacidade, conhecimentos e práticas exigidos para exercer a advocacia.

Ser aprovado nesse Exame é requisito para exercer a profissão de advogado no Brasil.

Como é a prova do Exame da OAB?

A prova é realizada, em média, duas vezes ao ano e é aplicada pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). O Exame é dividido em duas etapas:

A primeira consiste em uma prova de múltipla escolha, com 80 questões objetivas. Os candidatos respondem perguntas sobre todo o conteúdo estudado no curso de graduação em Direito. As questões são distribuídas entre as seguintes áreas: Direitos Humanos, Código do Consumidor, Estatuto da Criança e do Adolescente, Direito Ambiental, Direito Internacional, Filosofia do Direito, Estatuto da Advocacia e da OAB, seu Regulamento Geral e Código de Ética e Disciplina da OAB.

Nesta etapa, cada questão vale 1 ponto, e é necessário obter o mínimo de 50% de acertos, ou seja, acertar 40 ou mais questões para ser aprovado.

Já a 2ª fase é composta por uma prova específica, no qual o bacharel em Direito deverá produzir uma redação de peça profissional e responder quatro questões discursivas sobre situações-problemas.

A peça profissional vale 5 pontos e o candidato deve discorrer sobre um tema específico das áreas de Direito Administrativo, Direito Civil, Direito Constitucional, Direito do Trabalho, Direito Empresarial, Direito Penal e Direito Tributário.

Nas questões discursivas o valor é de 1,25 ponto cada, e são apresentadas na forma de situações-problema.  O candidato é avaliado levando em consideração a adequação das respostas ao problema apresentado.

No momento da inscrição, é possível escolher qual será a área da segunda fase. As opções são: Direito Administrativo, Direito Civil, Direito Constitucional, Direito Empresarial, Direito Penal, Direito do Trabalho ou Direito Tributário e do seu correspondente direito processual.

Nessa etapa, será aprovado o candidato que obter nota igual ou superior a 6 pontos.

Como se preparar para o Exame da OAB

A prova da OAB é bastante complexa a apresenta em todas as edições um alto número de reprovações. Por isso, é essencial estar bem preparado!

Cursos online são uma excelente opção para sua preparação para o Exame de Ordem. Além do custo acessível, em relação aos preparatórios presenciais, você pode visualizar os materiais na hora e local em que desejar, basta ter um computador ou smartphone com acesso à internet.

E ainda, com videoaulas organizadas em formato de plano de estudos, você memoriza o conteúdo necessário para passar no Exame de Ordem, de forma rápida, direta, eficaz e sem perda de tempo.

Você não perderá tempo elegendo quais são as principais disciplinas cobradas na prova, sua única preocupação é dar o play e aproveitar ao máximo o conteúdo.

Astrólogos que passam o tempo pesquisando seus próprios sinais provavelmente se depararam com o conceito das casas. Para muitos de nós, os horóscopos são o portal para uma maior curiosidade astrológica. À medida que começamos a segui—los, tornamo—nos mais familiarizados-e interessados-com as muitas peças em movimento dos nossos gráficos de nascimento.

Cada planeta, Asteroide ou ponto celestial existe dentro de uma casa, e essa colocação oferece uma visão inestimável não apenas sobre sua própria personalidade, mas também como você coexiste com o mundo ao seu redor. Além disso, as casas são um roteiro para entender o seu passado, presente e futuro. À medida que os planetas no céu se movem através destes domínios, diferentes eventos — tanto tangíveis como emocionais — são despoletados.

Como as 12 casas do zodíaco funcionam? Veja aqui!

O mapa astral é uma imagem do céu no seu momento de nascimento.

Se tudo isto parece extraordinário, bem, é. As casas são realmente o que torna a astrologia tão espetacular. Cada casa significa um componente da vida, mas nenhuma destas subsecções existe dentro de um silo: As Doze Casas também funcionam como uma única unidade, um colectivo que compreende toda a roda de 360 graus. Seu ritmo geométrico é uma representação simbólica da cosmologia completa de um indivíduo.

Para entender o significado das casas em sua própria vida, calcule seu gráfico de nascimento simplesmente conectando sua hora, data e local de nascimento em software de astrologia, como o que Astro.com ofertas (https://www.astro.com/), e siga adiante. Embora as casas sejam bastante complexas, vou tentar explicá-las o mais simples possível.

O gráfico de nascimento é dividido em doze seções iguais, que compõem as casas. O número doze aparece frequentemente na astrologia-afinal de contas, é um número perfeito. No entanto, não se confunda, já que as casas não são as mesmas que a roda do zodíaco, que é baseada no movimento rotacional anual do sol. Em vez disso, as casas refletem a rotação da Terra 24 horas em torno de seu eixo. Assim, ao ler um mapa de nascimento, os astrólogos fundem estes dois sistemas.

Uma vez que as casas giram a cada 24 horas, é essencial usar o seu tempo de nascimento correto ao calcular o seu gráfico. As casas também mudam a cada quatro minutos, assim mesmo os indivíduos nascidos no mesmo dia terão gráficos natais radicalmente diferentes dependendo se seu tempo de nascimento era de manhã ou de noite.

Símbolos usados na astrologia sobrepõem-se aos usados na astronomia por causa da sobreposição histórica entre os dois assuntos. Símbolos frequentemente usados incluem sinais do zodíaco e para os planetas clássicos. Estes têm sua origem no Império Bizantino medieval, mas na sua forma atual são um produto do Renascimento europeu. Outros símbolos para aspectos astrológicos são usados em várias tradições astrológicas.

Símbolos para os planetas clássicos, sinais do zodíaco, aspectos, lotes e os nós lunares aparecem nos códices bizantinos medievais nos quais muitos horóscopos antigos foram preservados. Nos papiros originais destes horóscopos gregos, foi encontrado um círculo com o glifo representando o brilho para o sol e um crescente para a lua.

Os símbolos escritos para Mercúrio, Vênus, Júpiter e Saturno foram encontrados em papiros gregos tardios. Os símbolos de Júpiter e Saturno são identificados como monogramas das letras iniciais dos nomes gregos correspondentes., e o símbolo de mercúrio é um caduceu estilizado. Se encontram antecedentes dos símbolos planetários em fontes anteriores, usados para representar os deuses associados com os planetas clássicos. Alguns mapas mostram gregas personificações dos deuses planetários cobrado com as primeiras versões do planetário símbolos: Mercúrio tem um caduceu; Vênus tem, anexado a seu colar de um cabo conectado a um outro colar; Marte, uma lança; Júpiter, um pessoal; Saturno, uma foice; o Sol, um círculo com os raios que se irradiam a partir dele; e a Lua, com um manto, Marte por um escudo atravessado por uma lança, e o restante clássica planetas por símbolos parecidos com o moderno queridos, sem a cruz marca de visto em versões modernas dos símbolos. O símbolo do sol moderno, retratado como um círculo com um ponto (☉), apareceu pela primeira vez no Renascimento.

Símbolos para Urano e Netuno foram criados pouco depois de sua descoberta. Para Urano, dois símbolos variantes são vistos. Um símbolo, inventado por J. G. Köhler e refinado por Bode , era destinado a representar a platina metal recém-descoberta; uma vez que a platina, às vezes confundida com ouro branco, foi encontrada por químicos misturados com ferro, o símbolo da platina combina os símbolos alquímicos de ferro, e Ouro,☉. Outro símbolo, foi sugerido por Lalande em 1784. Em uma carta a Herschel, Lalande a descreveu como “um globo superado pela primeira letra de seu nome”). Depois que Netuno foi descoberto, propôs o nome Netuno e o tridente familiar para o símbolo do planeta.

Os símbolos astrológicos para os três primeiros objetos descobertos no início do século XIX —Ceres, Pallas e Juno— também foram criados após a sua descoberta. Em primeiro lugar, eles foram listados como planetas, e meio século depois, renomeados como asteroides. Pouco depois da descoberta de Ceres por Giuseppe Piazzi, um grupo de astrônomos ratificou o nome, proposto pelo descobridor, e escolheu a foice como um símbolo do planeta.

oab-exame-de-ordem

Você que faz a faculdade de Direito ou que se formou recentemente, com certeza sonha em ter sucesso no Exame de Ordem logo na tentativa inicial. É fácil? Sejamos sinceros, não é! Mas com as 5 dicas para ser aprovado na OAB de primeira que daremos a seguir, essa tarefa pode ser simplificada.

As provas para conquistar a carteira de advogado são reconhecidamente complexas, tanto que os índices de aprovação não costumam ser altos. Porém, isso não deve ser tomado como um objetivo impossível, muito pelo contrário. Então nem pense em desistir.

Aliando as dicas abaixo, com muita dedicação e disciplina, acredite, sua preparação tem tudo para terminar com um final muito feliz. Então vamos lá…

 

  • 1 – Esteja por dentro de todas as regras do Exame

Conhecer o regulamento e as exigências expostas no edital publicado pela organizadora, no caso a Fundação Getúlio Vagas (FGV), é de fundamental importância e, com certeza, é o pontapé inicial para quem busca a aprovação.

Portanto, tome como prioridade realizar uma leitura minuciosa desse documento, compreenda todas as “regras do jogo”, entenda como funciona a cobrança na 1ª fase, como agir na 2ª fase, entre outros detalhes importantes.

Nunca desdenhe do edital! Pode ter certeza que nesse caso ele é um dos seus principais aliados.

 

  • 2 – Tenha um cronograma

Ninguém te conhece melhor que você mesmo. É óbvio, mas não custa deixar isso claro. Então que tal organizar sua rotina, estipulando horários tanto para os estudos como para momentos de lazer, alimentação, descanso, entre outros? O equilíbrio também faz parte do jogo.

Não deixe de inserir no seu cronograma detalhes sobre sua preparação para o Exame da OAB, como por exemplo:

15h às 17h – Resolver questões de Exames anteriores

17h às 19h – Revisar os conteúdos vistos no dia anterior

Assim você aprofunda mais o que deve fazer, pois deixar informações vagas em sua programação pode, mesmo que inconscientemente, dar brechas para a procrastinação.

 

  • 3 – Escolha se preparar assistindo videoaulas

A melhor forma de se preparar para o Exame da OAB é assistindo videoaulas, de preferência que abordem apenas conteúdos que realmente serão cobradas nas provas. As videoaulas OAB são muito mais dinâmicas e eficazes, além de conseguirem sintetizar de forma rápida os assuntos, fazendo com que você tenha economia de tempo, algo jamais conseguido por quem estuda lendo apostilas.

Os cursos online apresentam aos alunos o caminho mais rápido para que alcancem seus objetivos, no caso dos advogados, a Carteira da Ordem. Afinal de contas, as mesmas videoaulas sobre as quais falamos acima, além de abordarem o que de fato cai na prova, ainda estão organizadas em formato de plano de estudos. Basta seguir a ordem apresentada e automaticamente você estará se preparando da melhor forma.

 

  • 4 – Ter disciplina faz toda diferença

Se propôs a ser aprovado de primeira? Então leve isso a sério! De nada vai adiantar você adquirir um ótimo curso preparatório OAB e não dar a devida importância aos estudos.

Siga à risca tudo o que documentou após ter lido a dica de número 2. Jamais esqueça é a sua aprovação que está em jogo. Então, se colocou no cronograma, cumpra. Não se sabote!

Ser disciplinado é isso, se preparar quando for a hora de se preparar, descansar quando for momento de descansar, dar aquela olhada nas redes sociais quando seu cronograma disser que isso deve ser feito… Pode ter certeza que assim alcançar o objetivo será muito mais tranquilo.

 

  • 5 – Relaxar também faz parte do processo

Lembre-se de respeitar os limites do seu corpo. Você não é uma máquina! Estudar até ficar exausto não será nada benéfico, muito pelo contrário, pois as chances de assimilar tudo o que assistiu serão quase nulas, afetando assim seu desempenho e exigindo um retrabalho.

Quando notar que o conteúdo está começando a ficar mais complexo que o normal, relaxe um pouco, vá até a cozinha tomar uma água, assista um pouco de televisão, dê um tempo para sua mente. Depois, pode ter certeza, você voltará com muito mais vontade de aprender.

 

Gostou? Agora é com você! Coloque as dicas em prática e logo estará atuando na profissão com a qual sempre sonhou, logo será um(a) grande advogado(a).

exame-de-suficiencia-crc

Ser aprovado no Exame de Suficiência é requisito para quem se formou ou estuda Ciências Contábeis. O Exame é uma avaliação realizada pelo Conselho Regional de Contabilidade. Ele é obrigatório para todos os bacharéis em Ciências Contábeis que desejam exercer a profissão de Contador e é aberto aos alunos do último ano do curso, que podem se submeter a ele antes do final da graduação. O objetivo do Exame é de que os candidatos comprovem os conhecimentos que foram adquiridos durante o curso e se mostrem aptos a exercer o ofício.

O Exame de Suficiência começou a ser aplicado no Brasil em 2010 e desde a primeira edição, o CRC já certificou mais de 189 mil profissionais da área.

Como é a prova do Exame de Suficiência?

O Exame do CFC é composto por uma prova objetiva de múltipla escolha. Essa avaliação é elaborada com base nos conteúdos que foram estudados durante todo o curso de graduação de Ciências Contábeis pelos bacharéis e estudantes. Nessa prova, cada questão equivale a 1 ponto. Para ser aprovado no Exame, o candidato precisa acertar, no mínimo, 25 questões do Exame, totalizando 50% de acertos.

A primeira edição da prova de 2019 já foi realizada. Segundo o edital publicado, a prova seria composta por 50 questões distribuídas entre as disciplinas de Contabilidade Geral, Contabilidade de Custos, Contabilidade Aplicada ao Setor Público, Contabilidade Gerencial, Controladoria, Noções de Direito e Legislação Aplicada, Matemática Financeira e Estatística, Teoria da Contabilidade, Legislação e Ética Profissional, Princípios da Contabilidade e Normas Brasileiras de Contabilidade, Auditoria Contábil, Perícia Contábil e Língua Portuguesa Aplicada.

Como se preparar para o CFC?

A data da segunda prova ainda não foi divulgada, mas isso não quer dizer que você não possa começar a se preparar. Quanto antes você começar, mais próximo estará da sua aprovação e do sonho de obter o seu registro no Conselho Regional de Contabilidade (CRC) e com isso, exercer a tão esperada profissão de Contador.

Para ter a melhor preparação com antecedência, você pode contar com o curso exame de suficiência elaborado pelo Aprova Concursos. Com ele você conta com uma ajuda profissional especializada através das melhores videoaulas preparatórias disponíveis no mercado.

As videoaulas são as mais completas, contemplando todos os conteúdos citados no edital de abertura do Exame. Com a vantagem de o curso sem 100% online, onde você decide onde e por quanto tempo irá estudar diariamente. Dessa forma você não precisa perder tempo estudando com livros e apostilas que ocupam espaço e não otimizam o tempo de estudo.

E não é só isso, além dos melhores conteúdos, a sua preparação fica ainda mais completa com o Aprova Questões. Ao todo, são mais de 1000 questões disponíveis para aprimorar sua preparação e treinar na prática para a prova com as questões dos Exames anteriores.

Com toda essa preparação e treinamento, você estará mais confiante no dia da prova e poderá conquistar o seu sonhado registro profissional!

estudo-de-viabilidade-importacao

Alguns mitos sobre importar produtos direto dos fornecedores no exterior ainda intimidam o mercado nacional. Neste post estudo de viabilidade, nosso objetivo é demonstrar para os empresários a importância de estudar a viabilidade de toda a operação de importação e esclarecer como esses processos tornam a importação mais efetiva. Mas quais realmente são benefícios de realizar o estudo de viabilidade?

O estudo de viabilidade é o ponto chave para o empresário que pretende importar com a Brasil Importex, o processo tem como objetivo oferecer um panorama completo de todo a importação, desde a saída da mercadoria do lugar designado até o seu destino final, incluindo detalhes sobre impostos, armazenagem e tarifas. Com esta visão geral, concluímos quais os recursos necessários para a sua empresa realizar a importação da mercadoria conosco. Essa solução foi criada por nós com o objetivo de proporcionar maior segurança para nossos clientes os quais estão iniciando seus processos de importação de algum novo produto. Essa solução te ajuda a decidir se sua empresa apresenta os recursos necessários para atuar no mercado estrangeiro. Confira alguns pontos:

Pontos da viabilidade de importação ou exportação

Dentre vários pontos, o estudo de viabilidade contempla os seguintes itens:

  • Custos logísticos;

  • Investimento necessário;

  • Impostos incidentes;

  • Legislação que rege os produtos que serão comercializados;

  • Quais países que exportam ou importam a mercadoria e quais são os prazos.

A Brasil Importex realiza esse procedimento de estudo estratégico, com a nossa assessoria realizamos todo o procedimento de viabilidade para lhe oferecer uma importação segura, confiável e aumentar os lucros com os melhores produtos na sua prateleira.

Se a sua empresa busca um parceiro para otimizar seus custos por meio da importação, entre em contato conosco. A Brasil Importex alia conhecimentos como estes ao time de experts em análise técnica, que mapeia a necessidade real de cada projeto, prevê as limitações e a escalabilidade da operação do início até o fim da sua demanda.

Entre em contato hoje mesmo e solicite a visita de um dos nossos consultores para agregar mais valor ao seu projeto. Entenda como somente uma empresa experiente pode oferecer a garantia e a execução que você espera de uma parceria como esta. Conte conosco!